Menu Ouça ao vivo

Fechar

  • O Grupo
  • Anuncie
  • Contato
  • Tenente Portela busca recursos para implantação de caminhódromo

    Espaço ficará no canteiro central da Avenida Santa Rosa

    O Município de Tenente Portela elaborou um projeto para revitalização dos canteiros centrais e construção de pista de caminhadas na maior avenida de acesso à cidade, a Avenida Santa Rosa, com mais de mil metros de extensão.

    O projeto visa revitalizar e oferecer à população um espaço de lazer, bem como a implantação de calçadas (pista de caminhada) dentro das normas de acessibilidade, especialmente para pessoas com recomendação médica de caminhadas diárias, contando também com arborização junto a calçada, contribuindo para o bem-estar e o embelezamento do local. O trajeto projetado terá a extensão de 1.100 metros, e faz parte de uma estratégia de revitalização, que inclui a melhoria da circulação urbana e desafogamento do trânsito e dos espaços centrais.

    A proposta inclui ainda realinhamento dos canteiros, utilização de faixa elevada nos cruzamentos, muros de levantamento ou rebaixe de canteiros, meio-fio novo de tamanho adequado feito diretamente no local, emparelhamento dos canteiros, revestimento novo, criação de faixa de travessia para empresas que necessitam de deslocamento entre os dois lados da rua e colocação de placas educativas (comunicação visual).

    O projeto foi elaborado sob a coordenação da Secretária de Finanças, Salete Bettio Sala, que disse que a ideia inicial surgiu ainda em fevereiro. “No início tínhamos uma ideia para esse projeto, e fomos analisando as possibilidades, buscamos um arquiteto e urbanista para a elaboração de todo o projeto, com orçamento, viabilidade, detalhamento, enfim, obedecendo todas as normas técnicas do Governo Federal, e cadastramos ele no Ministério do Turismo, pois há um viés turístico neste projeto, pois a Avenida Santa Rosa é a que leva à saída da cidade em direção ao Salto do Yucumã, assim como é a que recebe o turista que vem do Yucumã”, destacou.

    Ainda conforme a Secretária, um projeto desses possui um custo alto de investimentos, é preciso buscar os recursos via Ministérios, via emendas, e o primeiro passo foi dado, “Sabemos que um projeto assim é necessário mas tem um valor alto, o Município não conseguiria aportar todo o valor, então temos que correr atrás, e agora precisamos articular com Deputados também, se não fizemos isso, se ficarmos só pensando, comentando, e não criar um projeto bem fundamentado, cadastrar no Governo Federal ou buscar emendas, não conseguiremos fazer com que isso saia do papel. Vamos ainda cadastrar em outros Ministério”, finalizou Salete.

    *Informações Ascom/Prefeitura Portela

    Jornalismo Grupo Chiru